Nos dias 14 e 15/10, a Unidade Vermelha – Liga da Juventude Revolucionária – realizou um encontro estudal na cidade de São Paulo (SP). O evento ocorreu no Diretório Central dos Estudantes da Universidade Federal de São Paulo (DCE-Unifesp), no Centro-Sul da capital paulista, e contou com a presença massiva dos ativistas da Organização de comitês da Capital, Regiões Metropolitadas e Interior do Estado. 

Além dos ativistas secundaristas da Organização, o Encontro contou com a participação de ativistas de organizações democráticas  e revolucionárias como a Frente Revolucionária de Defesa dos Direitos do Povo (FRDDP), o Movimento Feminino Popular (MFP) e o Movimento Estudantil Popular Revolucionário (MEPR).

A atividade se iniciou com todos os presentes cantando altivamente A Internacional, o hino do proletariado internacional, seguida da canção A Jovem Guarda, o hino da UV-LJR. Após a composição da mesa com os representantes das organizações citadas acima, a representante do Comando Nacional fez uma fala de saudação à todos os presente, aos comitês da organização do Estado de São Paulo e a todas as massas da juventude sob direção, politização e organização da UV-LJR, saudando em especial a luta e a realização do Encontro Estadual e a sua grande importancia em defesa de nossa linha política.

O espaço estudantil foi devidamente organizado e caracterizado para o Encontro. Antes mesmo de seu ínicio, os ativistas chegaram cedo e iniciaram a limpeza e organização do auditorio, banheiros e cozinha. As paredes foram estapadas com cartazes que gloficavam a Grande Revolução Cultural Proletária e da Grande Revolução Bolchevique. Sobre a mesa central, foi colocado nas paredes retratos dos patronos da UV-LJR, Helenira Rezende e Manoel Lisboa. Também foram colados dazibaos e imagens dos heróis do povo brasileiro, que verteram seu sangue pela Revolução Agrária.

No primeiro dia de atividades foi realizado um cine-debate do filme "Lei Feng" produzido durante a GRCP que retrata a conduta e moral de um jovem revolucionário e combatente em defesa dos interesses da Revolução e das massas. Posteriormente, o companheiro da FRDDP fez uma apresentação em slide acerca da Grande Revolução Socialista de Outubro; e o dia terminou com uma apresentação cultural dos ativistas com leitura de poemas, coral e produções de música da cultural popular.

O segundo dia iniciou-se logo cedo com atividades físico-recreativas, e contou com a leitura de um Balanço atualizado de 4 anos da Liga da Juventude Revolucionária; foi realizadas confecções de bandeiras e braçadeiras para os comitês e o dia terminou com a apresentação do Ameaça Vermelha, um grupo de RAP da Unidade Vermelha. 

Foi ressaltado com extrema combatividade que as recentes perseguições ostensivas que tem ocorrido da região com os nossos ativistas, junto com a tentativa de sequestro do companheiro Bildo, nada são mais do que tentativas do velho Estado sob gerência de Alckimin/PSDB tentanto nos intimidar através de seus grupos de exterminio, para nos paralisar, nos colocar medo e fazer com que paremos de seguir no nosso justo caminho revolucionário! Porém, nada do que eles possam fazer nos intimidará! Continuaremos com nossas tarefas e trabalho, organizando a juventude proletária e semiproletária urbana, desde suas escolas, locais de trabalho e moradia, servindo ao povo, como vanguarda e reserva de choque da revolução democrática em nosso país e nas fileiras da revolução proletária mundial! E que esse Velho Estado em decomposição, com a falência de sua ecônomica, política, militar, moral,  não pode deter o vigoroso movimento revolucionário que se levanta em no país para varrer a velha sociedade e construir um novo e luminoso futuro!

VIVA O GLORIOSO ENCONTRO ESTADUAL DA UNIDADE VERMELHA - LIGA DA JUVENTUDE REVOLUCIONÁRIA!

VIVA A JUVENTUDE COMBATENTE!

REBELAR-SE É JUSTO!